Passagem de ônibus em Muriaé sobe para R$ 2,75

0
432
Foto: Silvan Alves/Divulgação

Reajuste de 10% entra em vigor a partir deste domingo (22/4). Prefeito vetou os 12% aprovado antes, enquanto Viação União solicitou 28% de aumento.

O prefeito de Muriaé, Grego, rejeitou o aumento de 12% no valor das tarifas de ônibus na cidade. O percentual havia sido aprovado na última semana pelo Conselho Municipal de Trânsito (Comutran) – órgão que conta com representantes de diversos setores da sociedade e não é pertencente à Prefeitura – mas foi vetado por meio de decreto. Assim, o documento autoriza que o reajuste seja de 10% (ou R$0,25) no valor do bilhete, que passa a custar R$2,75 a partir do próximo domingo (22).
Para promover a atualização do preço, foram feitas análises sobre as planilhas de custos apresentadas pela empresa prestadora do serviço na cidade, bem como sobre o resultado da reunião do Comutran.

“Entendemos a necessidade da empresa de modificar o valor da tarifa, já que os custos com manutenção, combustível e outros fatores subiram nos últimos anos. Mas temos que pensar em primeiro lugar nos interesses dos muriaeenses, e entendemos que um reajuste superior a 25 centavos seria inadmissível em um momento de crise como este que estamos atravessando no país atualmente”, destaca o prefeito Grego.

O índice 10% que foi autorizado é cerca de três vezes mais baixo do que a pedida inicial feita pela Viação União. Em virtude de estar há dois anos sem atualização (a última modificação entrou em vigor dia 11 de abril de 2016), a empresa solicitou, a princípio, um aumento de 28% – percentual que faria o valor da passagem subir de R$2,50 para R$3,20. O número também é menor que a variação do diesel no mesmo período, que foi de 13,6%. De acordo com dados da Agência Nacional de Petróleo, o preço médio do combustível na cidade passou de R$3,09 para R$3,51 nos últimos 24 meses.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here