Para manter sonho e afastar pesadelo, NAC recebe o Tupynambás no Soares de Azevedo

Possibilidade de conseguir classificação é semelhante ao risco de rebaixamento. Time promete tentar recuperar pontos perdidos para o Social em casa.

Faltando duas rodadas para o fim do Campeonato Mineiro do Módulo II, o Nacional divide as atenções para os dois lados da tabela de classificação. Com 9 pontos, o NAC está a apenas um do Mamoré, que abre a zona de rebaixamento e tem um jogo a mais, e a seis do Tupynambás, 4º colocado.
E é justamente o Tupynambás o adversário dessa segunda-feira, às 20:15h, no estádio Soares de Azevedo. Portanto uma vitória nacionalina significa eliminar qualquer risco de descenso, além de manter vivas as esperanças da classificação para as semifinais.
O treinador Eugênio Souza relacionou 20 jogadores para o confronto. Sem poder contar com os zagueiros Paulo Roberto e Almir (suspensos) e com o volante Hildo (contundido), ele vai ter que mexer na equipe, que vem de empate dentro de casa com o Social por 1 a 1.
Já o Baeta, comandando pelo treinador Guiba, vem empolgado com a vitória fora de casa sobre o Tricordiano por 3 a 1. E o pensamento da equipe de Juiz de Fora é sair de Muriaé com a classificação assegurada. Para isso, basta uma vitória simples. O desfalque fica por conta de Filipinho, um dos destaques do time na competição, que está suspenso pelo 3º amarelo.

RELACIONADOS PARA ENFRENTAR O TUPYNAMBÁS

  • Goleiros: Lucas Fritz, Renan e Thúlio
  • Laterais: Marcelinho, Maicon e Valdeir
  • Zagueiros: Cassiano e Mateus
  • Volantes: Emerson, Hugo e Makelele
  • Meias: Gabriel Galhardo e Jajá
  • Atacantes: Baianinho, Danilo, Igor Bádio, Julinho, Michael Paulista, Rodrigo Dias e Ruero

ARBITRAGEM

  • Árbitro: Felipe Fernandes de Lima
  • Aux 1: Luiz Antônio Barbosa
  • Aux 2: Bernardo de Souza Pádua

DISCIPLINA

  • NAC: 35 cartões amarelos e 3 vermelhos
  • Tupynambás: 31 cartões amarelos e 4 vermelhos

SUSPENSOS

  • NAC: Paulo Roberto e Almir
  • Tupynambás: Filipinho

PENDURADOS

  • NAC: Renan, Hildo, Emerson, Makelele, Danilo, Baianinho e Rodrigo Dias
  • Tupynambás: Glaysson, Wilson, Vinicius, Lucas Coutinho e Yan

HISTÓRICO RECENTE DE CONFRONTOS

Foram quatro confrontos realizados pelo Módulo II em 2017. O Tupynambás levou vantagem, com duas vitórias contra uma do NAC, além de um empate:

  • NAC 1 x 2 Tupynambás (Soares de Azevedo)
  • Tupynambás 1 x 0 NAC (Mário Helênio)
  • Tupynambás 1 x 2 NAC (Mário Helênio)
  • NAC 1 x 1 Tupynambás (Soares de Azevedo)

TABELA DE CLASSIFICAÇÃO

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here