Agricultores da região recebem novos conhecimentos sobre café

0
94

Evento foi organizado pela Emater para reciclar informações sobre o plantio, produtividade e distribuição dos grãos.

O ‘Encontro de Cafeicultores de Belisário e Região’, evento que faz parte do Circuito Mineiro de Cafeicultura, foi realizado nesta quarta-feira (10/4), no distrito de Belisário, com o objetivo de ressaltar as novas tendências para o plantio de café, assim aumento de produtividade, qualidade e distribuição de grãos.
Organizado pela Emater – MG, através da Secretaria de Agricultura, as atividades começaram levando para os cafeicultores algumas instruções sobre a ‘Cafeicultura e o Meio Ambiente’.

“Para fazer uma atividade no meio rural é preciso manter uma harmonia entre o plantio e o ambiente. Precisamos estudar quais as formas de causar menos impacto. No caso do café é indicado que realize as plantações em curva de nível, controlando o crescimento do mato, realizando atividades que prendam a água, evitando erosões. Buscamos soluções que levem a maior produtividade e qualidade”, disse o veterinário da Emater, Edson Curi.

Outro assunto abordado foi à temática das ‘Boas Práticas’ na cafeicultura. Neste sentido, o engenheiro agrônomo, Robério Torres, falou sobre as melhores formas para se produzir mais.

Isto vai depender da escolha do que se irá cultivar. Se é adequado para a região ou não. A produção precisa de altitude apropriada, clima, espaçamento entre canteiros, covas bem feitas e uma análise do solo. A cultura precisa de qualidade

, disse.
O último tema discutido foi sobre ‘Podas do Cafeeiro’. O técnico agrícola, Adenilson Chaves, explicou sobre as datas específicas para se realizar o serviço, assim como a altura correta para efetuar o corte.
O produtor Bruno Santiago, morador da região, disse que o evento é muito importante para os agricultores.
“O café é a nossa principal economia junto com o leite. Essa união da Emater com a Secretaria de Agricultura, representando a Prefeitura, beneficia a nossa comunidade, trazendo tecnologia para a nossa economia”, disse.
Para o secretário de Agricultura, Manoel Carvalho, o tipo de evento leva novos conhecimentos para os agricultores.
“Nosso trabalho é levar novas informações para os produtores rurais, visando gerar mais emprego e renda para o homem do campo”, ressaltou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here